Necessidade Basica » Moda, beleza, viagens e outras coisas muito necessárias

Organizando o feed do Instagram

28 de junho de 2016
Taylor Swift ft. Ed Sheeran - Everything Has Changed

Para muita gente o Instagram deixou de ser simplesmente um diário fotográfico e agora está mais para um showcase de fotos. Antes a idéia era uma coisa mais twitterística – o que eu estou fazendo agora – mas ultimamente muitas pessoas tem tentando deixar o feed mais organizado, ou melhor dizendo, harmônico. Claro que não há nada errado em mostrar o seu cotidiano por lá, mas se você quer organizar seu feed do Instagram também dá uma olhada nas minhas dicas de apps e de como organizar melhor suas fotos.

feed do instagram

Na edição eu uso o Afterlight, o VSCO ou o Foodie para os filtros, e se preciso de alguma correção específica, o Facetune e o Snapseed. Uma forma de dar uma aparência mais harmônica é manter as fotos, ou pelo menos sequências delas (de 3, 6 ou 9 fotos) com a mesma padronagem de cor – você pode escolher uma única cor predominante, usar o mesmo filtro (com ajustes se necessário de acordo com a foto) ou mesmo fazer todas as fotos com cores bem vibrantes.

Eu confesso que eu  não sou o melhor exemplo de feed organizado mas estou me esforçando! É difícil quando a gente tem algum evento não postar as fotos no dia – e não tem nada errado nisso. Mas quando a “programação” volta ao normal, o que eu faço é tentar não repetir a temática das fotos – postar selfies ou fotos de comida na sequência – a não ser que você mantenha uma conta temática, claro. Aliás, se tem uma coisa que eu não gosto são aquelas contas onde só tem selfie, afinal eu quero ver coisas diferentes e não só a cara de pessoa!

feed do Instagram

Antes eu estava usando o VSCO para organizar minhas fotos – além de editar, nele já era possível saber como a foto se encaixaria no seu feed, se iria “combinar” com as fotos próximas. Com a última atualização o layout do aplicativo mudou e isso não ficou tão legal. Então eu fui em busca de outras opções de apps para ter esse preview do feed e encontrei algumas opções.

O primeiro que eu testei foi o UNUM – Design Perfection for Instagram. Ele é gratuito e baixa suas ultimas fotos do Instagram e ali você vai adicionando as próximas e já consegue ver como fica. No app você também já pode programar as próximas publicações – não dá pra postar direto dele mas ele te lembra de ir no Instagram no horário marcado para postar. Ele ainda conta com editor de imagens  e também aquela função de dividir a foto em várias partes. Mas eu achei o app estranho, pelo menos no começo pois ele deixa muitos espaços em branco para as fotos novas que eu não consegui remover, então fui em busca de uma outra alternativa.

Aí encontrei o Snug, que é pago, mas me dei melhor com ele – questão de gosto né? Ele não tem essas funções extras do Unum mas mesmo assim eu gostei mais da forma como ele exibe a prévia do feed do Instagram e é o que eu estou usando. Para Android, tem o App Gallery Organizer, mas eu não testei esse pois não tenho nenhum dispositivo Android. Se você testou, me conta aqui nos comentários o que achou!

Claro que nada disso adianta se você não tiver boas fotos! E você, está organizando seu feed do Instagram também? Me conta aqui nos comentários e aproveita para me seguir lá, o meu user é paula_belotti.


Na TV: Mr. Selfridge

27 de junho de 2016
Oasis - Songbird

Mr. Selfridge não é uma novidade, mas infelizmente não é uma série muito conhecida. É um seriado da televisão britânica que narra a vida do empresário Harry Gordon Selfridge, fundador da loja Selfridges, uma das principais lojas de departamentos de Londres e que existe até hoje e que eu estou adorando assistir!

mr. selfridge

A história se passa na Londres do início do século XX, quando a Selfridges foi fundada e conta a história do Mr. Selfridge, empreendedor americano super ousado para aquela época, e que luta para fazer dar certo esse novo modelo de negócios que até então não existia na Inglaterra. É muito legal ver os costumes da época e a Londres antiga – a Oxford Street daquele tempo não era nada como hoje!

O Mr. Selfridge tem que se adaptar aos costumes da Londres daquela época, que era bem mais tradicional que a América, lidar com a burguesia inglesa, manter seu casamento – e ele não era um exemplo de fidelidade – e até administrar a loja nos tempos da guerra. Além dele, tem mais personagens muito legais, como a Agnes Towler, que começa como vendedora e vai crescendo dentro da Loja e o Henri Leclair, responsável pelas vitrines, que eram importantíssimas naquela época. Mas o destaque mesmo é o Mr. Selfridge, até porque a interpretação do ator Jeremy Piven é ótima, ele é super expressivo e o Mr.  Selfridge é um ótimo administrador, sempre conseguindo reverter a situações para que ele se saia melhor.

mr. selfridge

O seriado mostra de tudo um pouco: a questão do empreendedorismo, marketing – a Selfridges levou para a Inglaterra um modelo de vendas que não existia até então – moda, drama, romance e de quebra um pouco de história!

A série estreou em 2013 e teve 4 temporadas com 10 episódios cada uma, sendo que as 3 primeiras estão disponíveis na Netflix.


Top 5: Lip Balms

25 de junho de 2016
OneRepublic - Wherever I Go

Com a chegada do inverno não dá pra ficar sem usar um lip balm não é? Por isso escolhi esse tema para a série Top 5, onde eu vou mostrar para vocês meus 5 itens favoritos de cada tema que eu for inventando, começando pelos lip balms. Vou tentar gravar esses vídeos pelo menos uma vez por mês e vocês podem ficar a vontade para sugerir a categoria de produto que vocês querem ver, ok?

lip balms

No vídeo eu mostro os meus 5 lip balms favoritos atualmente: o Babylips da Maybelline, o Chapstick, o lipbalm de cranberry da Kiehl’s, o Aquaphor da Eucerin e o Chubby Stick Baby Tint da Clinique.

Esses são os lip balms que eu mais uso no momento. Repararam que nenhum deles é naquele formato de latinha? Eu acho aquelas embalagens super fofas, mas não gosto do fato de ter que usar o dedo para aplicar – afinal de contas a gente não anda o tempo todo com um pincel né? Acho anti higienico ficar colocando o dedo no produto e depois ainda ficar com o dedo melecado… então por mais fofo que seja eu não compro esse formato.

E você, qual é o seu lip balm favorito? Me conta aqui nos comentários!


Travel Wishes: Big Sur

23 de junho de 2016
Zedd - Clarity

Mais um post da série Travel Wishes! Dessa vez vim falar da Big Sur, uma região da Califórnia de paisagens incríveis! De um lado está o oceano Pacífico e do outro, a cadeia de montanhas Santa Lucia, com uma estrada perfeita para uma road trip no meio!

big sur

Essa viagem é bem mais comum do que as outras que eu já falei por aqui, mas tão linda quanto. É um sonho mais próximo e eu e o meu marido estamos tentando achar um tempinho (e $!) para fazê-la, então eu já li bastante sobre o lugar – o mais difícil é conseguir montar um roteiro que não dure o resto da vida!

O caminho para a Big Sur é feito pela Highway 1, que vai beirando a costa. Uma dica que eu descobri faz pouco tempo é que é melhor fazer o trajeto em direção ao sul, pois assim você estará do lado “certo” da estrada para apreciar melhor a paisagem. O trajeto vai de Carmel até Santa Barbara, mas a diversão já começa saindo de São Francisco e vai até chegar a Los Angeles.

Tecnicamente é possível fazer esse trajeto em um dia dirigindo, mas a paisagem é linda e são tantas paradas para fotografar e apreciar a vista que pelos meus cálculos devemos levar pelo menos 3 dias para ir de São Francisco a Los Angeles – no caminho tem Monterrey e seu famosíssimo aquário, Carmel, a 17 Mile Drive, a reserva de Big Sur própriamente dita, as cidades espanholas de San Luis Obispo e Santa Barbara e a holandesa Solvang.

Mas o que eu queria mesmo era fazer Las Vegas + Grand Canyon + Yosemite + São Francisco + Big Sur + Los Angeles (não quero mais nada, né? Hahaha). Isso sem falar na possibilidade de dar uma esticadinha ao norte de São Francisco para ver a região do Napa Valley. Entenderam porque eu falei que o roteiro pode durar uma vida?


O que tem na minha necessaire

22 de junho de 2016
Coldplay - Up&Up

Faz muito, mas muito tempo mesmo (8 anos!) que eu mostrei aqui no blog o que eu carregava na minha necessaire naquela época. Esse é um tipo de post (ou vídeo) que eu adoro ver, e achei que estava na hora de atualizar o meu, dessa vez eu fiz em formato de vídeo.

necessaire

Antigamente eu carregava muita coisa na necessaire, inclusive maquiagem, mas agora eu levo nessa apenas produtinhos de sobrevivência, a não ser que eu vá ficar muito tempo fora de casa e saiba que vou precisar me maquiar: aí levo uma outra necessaire com os produtos de maquiagem.

A minha necessaire atual que eu uso para carregar esses produtinhos de sobrevivência é da Cotton On, uma marca australiana que tem algumas lojas em São Paulo, e é ótima pois é pequena e cabe em qualquer bolsa. Os produtos que eu levo e mostrei no vídeo são: lenços de papel e lenços umedecidos (uso de qualquer marca que eu tiver em casa), lenços anti-brilho da Clean & Clear, creme para as mãos Mandacaru, da L’occitane, lip balm Babylips da Maybelline, perfume de bolsa Peony da Sephora, Chubby Stick Pudge Peony da Clinique, caneta para remover manchar Clean to Go da Nice, óleo Prime Cuticle da UB Beauty, espelho, pinça, lixa de unha, elásticos e grampos de cabelo.

 


No Instagram

No Youtube

No Pinterest

Se você quer organizSe você quer organizCom a chegada do inv
Como passar por esseComo passar por esseAqui em casa minhas
Mais alguns sites paUma lista de sites cUma lista de sites c

Necessidade Basica © 2016
Design por Paula Belotti
Desenvolvimento por