Um mundo livre de reclamações

05 de abril de 2016 | Por Paula B
John Lennon - Imagine

Ontem pela manhã enquanto eu estava tomando meu café e assistindo o programa da Ana Maria Braga ela falou sobre uma iniciativa que me chamou atenção e fiquei com vontade de compartilhar aqui pra ter certeza de que vocês iam ficar conhecendo também: A Complaint Free World, que podemos traduzir livremente como um mundo livre de reclamações.

“Se você não gosta de uma coisa, mude-a. Se você não pode mudá-la, mude sua atitude. Não reclame.”

Eu acho que essa atitude de ficar reclamando tem muito a ver também com a lei da atração – que é uma coisa que eu acredito e queria estudar mais pra aprender a aplicar direito! Não vou dar uma de Lula e dizer que a crise não existe, o problema são as pessoas que só ficam falando dela, mas a questão é que o tempo e a energia que nós gastamos reclamando das coisas poderíamos estar usando para melhorá-las não é mesmo? Mas o hábito de reclamar já está tão impregnado em nós que nem nos damos conta disso e ficamos lá reclamando de tudo e de todos (vide o meu snapchat -paulabelotti-, a rede oficial da reclamação). E a verdade é que reclamar na maioria das vezes não nos leva a lugar nenhum e nem resolve nosso problema – a não ser que você esteja fazendo uma reclamação formal a uma empresa, aí tem que reclamar sim!

“Reclamar é falar de coisas que você não quer, em vez de falar daquilo que você quer. Quando nos queixamos, usamos as palavras para nos concentrarmos no que não é como gostaríamos. Nossos pensamentos criam nossa vida, e nossas palavras revelam o que pensamos.”

Um mundo livre de reclamações

Então foi assim que o Will Bowen, um pastor americano, criou essa iniciativa – fique 21 dias sem reclamar. São 21 dias pois os especialistas dizem que esse é o período necessário para se estabelecer um hábito, ou seja, se você manter qualquer comportamento por 21 dias seguidos, ele passa a ser um hábito para você.

Will escreveu o livro A Complaint Free World, traduzido aqui no Brasil como Pare de reclamar e concentre-se nas coisas boas, com histórias reais e inspiradoras e apresentando seu método para mudar esse comportamento – devemos escolher um acessório,  e muda-lo de lugar toda vez que fizermos uma queixa ou uma crítica. O objetivo é mantê-lo no mesmo lugar por 21 dias seguidos. Por exemplo, você elege uma pulseira e coloca no braço direito. Se reclamar de algo tem que mudar para o braço esquerdo. Você tem que conseguir mantê-la no mesmo braço por 21 dias seguidos e aí não reclamar vai passar a ser normal para você. Segundo o Will, a maioria das pessoas leva de 4 a 8 meses para conseguir completar os 21 dias seguidos sem reclamações. Apenas as reclamações e críticas externalizadas (faladas ou escritas) contam, as que ficarem apenas em sua mente, não (que bom né? Se não acho que eu ia levar anos pra conseguir!)

Pode parecer uma coisa boba a princípio, mas eu acho que é um ótimo exercício para nos mostrar que podemos mudar de atitude e não apenas ficar apontando o que está errado – assim afastamos os pensamentos negativos e atraímos muito mais positividade para nossas vidas.

Eu estou procurando uma pulseira por aqui que seja fácil de trocar de pulso (pois não vai ser fácil né amigos?) e também quero ler o livro para conhecer mais as histórias. Depois volto pra contar para vocês como foi a minha experiência e tomara que vocês também fiquem com vontade de fazer! Quem fizer passa aqui pra me contar como foi!

 

 


Tem 11 pessoas falando sobre o post "Um mundo livre de reclamações"


  • Jessica M disse:

    Uma das minhas resoluções para 2016 é não reclamar tanto. Mas então começa o dia, começa a esquentar e paaam, lá estou eu reclamando do calor. É inevitável. E vai chegando ao longo do dia, vem os problemas pra resolver ou aqueles que ainda não foram resolvidos e eu reclamo novamente.
    Eu também acredito nessa coisa da lei da atração, e sei que preciso mudar e achei bem interessante a ideia de ficar 21 dias sem reclamar. “As que ficarem apenas em sua mente, não (que bom né? Se não acho que eu ia levar anos pra conseguir!)” haha’ Verdade, ainda bem né?
    Vou tentar, mas só começo na segunda hehe Brinks :p
    Beijos

    • Paula B disse:

      Hahaha eu também não comecei ainda, vou começar na sexta! Realmente vai ser muito difícil não reclamar do calor pra mim também! Depois me conta se você conseguiu!

  • Andréia disse:

    Que legal! Estava falando disso hoje mesmo com a minha mãe e não lembrava direito do desafio…
    Vou mandar para ela! 😀
    *adorei o detalhe da música abaixo do título

    Beijos!
    Andréia Campos
    http://petitandy.com

  • yasnaya disse:

    Sabe que nunca pensei a respeito…
    Achei interessante, eu reclamo mais pra mim na verdade, me analisando agora.

    Eu reclamo bastante nas redes sociais se fui mal atendida – que fico P da vida visse – qualquer reclamação referente a fornecedor, sem citar o nome, empresas, enfim, mas quando é alguém próximo eu reclamo com uma amiga, não saio disparando por aí.

    Bom, sei não viu, vou ver como sou diariamente pra poder fazer esse desafio 🙂
    Gostei.

    • Paula B disse:

      Ah mas eu acho que no caso de um serviço ou produto com problema, aí tem que reclamar mesmo, mas reclamar para a empresa. Eu sempre abro reclamação, sou a rainha do protocolo rsrs

  • Vy disse:

    Também acho que as vezes as pessoas reclamam de mais, ao invés de ir lá e mudar. Mas acho que reclamar 1x não mata ninguém, hehe… É a forma da gente tentar se livrar de uma frustração…

    • Paula B disse:

      Mas o motivo da frustração não vai embora magicamente quando a gente reclama né! Esse é o ponto, o tempo que vc leva reclamando, vc gastar pensando o que fazer pra mudar isso, é uma mudança de comportamento… É difícil, mas não tanto quanto parece!

  • Que demais este desafio Paula! Concordo que as pessoas reclamam demais ao invés de ir lá e mudar ou tentar mudar alguma coisa… Depois conta pra gente se conseguiu fazer o desafio que eu quero fazer também!
    Beijão

  • Debora disse:

    Olha ,gostaria de saber onde posso adquirir a pulseira e quanto custa???

    • Paula B disse:

      Você pode utilizar qualquer pulseira para o desafio! A minha eu comprei em uma dessas casas de pesca, mas não recomendo pois o cheiro de citronela que ela tem é muito forte… Melhor procurar nessas casas de bijoux baratinhas!

Pin It

No Instagram 📸 @paula_belotti

No Youtube