TOP
Viagens

Big Sur: de Monterey a Los Angeles

Saímos de Monterey e pegamos a Big Sur rumo a Los Angeles, passando por San Luis Obispo, Sovang, Santa Barbara e Santa Monica.

Big Sur

Bixby Bridge

Big Sur

Saímos de Monterey no fim da manhã depois do mergulho do Diego (ele alugou o equipamento e foi com um guia da empresa Bamboo Reef). Pegamos a Big Sur – estrada cujo nome “oficial” na verdade é Highway 01 – rumo ao sul. Vale lembrar que no início do ano houveram alguns desmoronamentos na estrada e há interdições até hoje. Alguns trechos já foram recuperados mas até a última vez que eu vi a previsão é de ficar completa novamente apenas no final do ano que vem, mas isso não impede a viagem.

Big Sur

Dá pra pegar a estrada e ir parando nos mirantes pra ver a paisagem, e retornar logo após a Pfeiffer Canyon Bridge, que é um dos pontos que foi reconstruído e já está aberto. A interdição da estrada fica em Mud Creek, mas acredite, é melhor voltar na Pfiffer Canyon Bridge mesmo. Nós continuamos seguindo a diante mas a paisagem não muda muito ao longo do caminho (o trecho inicial da Big Sur é o mais bonito mesmo), e continuar o caminho como nós fizemos só vai fazer sua viagem ficar mais longa.

A vista da estrada é linda mesmo! Mas eu gostei mais do primeiro trecho mesmo, lá da 17-Mile Drive. Na Big Sur mesmo, o começo é mais bonito, e os principais pontos pra parar são os da Rocky Creek Bridge, da Bixby Bridge e o Hurricane Point.

Big Sur

Big Sur (Castle Rock viewpoint)

Voltamos até Monterey e pegamos a US-101, a estrada que vai até o sul por dentro do estado. Não tem a paisagem bonita e é aquela reta eterna, mas é uma boa estrada (como todas nos EUA, eu acho). Não espere encontrar muitos lugares para parar no caminho, nós estávamos com fome e tivemos que andar 70km na estrada até encontrar algo pra comer, em King City.

San Luis Obispo

Chegamos a San Luis Obispo já quase no final do dia mas ainda encontramos um restinho de energia para dar uma volta no centrinho da cidade. É um bom lugar para pernoitar antes de continuar a viagem.

Big Sur

Missão de San Luis Obispo

San Luis Obispo foi erguida ao redor da igrejinha feita pelos padres jesuítas em 1772. Apesar de pequena, é uma cidade universitária, sede da Cal-Poly e quase metade da população estuda lá (são 20 mil estudantes). O centro é mínimo mesmo: se concentra em uma avenida, a Higuera St com cerca de umas 5 quadras, mas é bem bonitinho, com várias lojas conhecidas e cheia de barzinhos onde as pessoas estavam bebendo e assistindo jogo.

Nós dormimos em San Luis Obispo e seguimos viagem na manhã seguinte.

Solvang

Não muito depois de San Luis Obispo fica a cidade de Solvang – spoiler alert: é a cidade mais fofinha da Califórnia!

Big Sur

Solvang fica cerca de 1 hora depois de San Luis Obispo, seguindo o caminho pela US-101. É uma replica de uma cidade típica dinamarquesa, com direito a museu e uma estátua de Hans Christian Andersen (provavelmente o mais famoso escritor dinamarquês e criador da Pequena Sereia)

Big Sur

Big Sur

Eu adorei passear pelas ruas do centro da cidade, mas dá pra perceber que é tudo bem turístico né? De qualquer forma, vale a parada, vai levar pouco mais de uma hora para dar uma volta tranquila por ali e seguir a viagem.

Santa Barbara

Continuamos a viagem por mais cerca de 1 hora até Santa Barbara – e agora a decor da cidade é espanhola! A cidade ainda exibe traços da arquitetura colonial espanhola (mas não é tão “temática” como Solvang). Fomos ao Stearns Wharf, um pier de madeira construído em 1872 que é uma das principais atrações da cidade. Já era hora do almoço e aproveitamos para almoçar por ali, já que o pier conta com vários restaurantes, lojinhas e até um museu.

Big Sur

Stearns Wharf

Não ficamos muito em Santa Barbara pois já estamos cansados da viagem (preciso dizer que é super cansativo essa coisa de road trip viu, mesmo com um carro confortável), e estava muito calor pra ficar andando. Seguimos adiante.

No caminho para Santa Monica passamos por Malibu, mas sinceramente? Não vi nada demais ali!

Santa Monica

Pegamos o último trechinho da Big Sur para chegar a Santa Monica, a praia de Los Angeles, digamos assim. E já vou começar dizendo que é a melhor parte da região de L.A. mesmo e fiquei feliz de ter começado por lá!

Big Sur

Santa Monica Pier

Chegamos lá já estava no final do dia e começamos o passeio pelo principal cartão postal de Santa Monica: o pier! O Pier de Santa Monica existe há mais de 100 anos e é uma parada imperdível. Conta com restaurantes, lojas, muitos artistas de rua e um parque de diversões. Vai render boas fotos mesmo estando sempre cheio de gente!

Big Sur

Pacific Park no pier de Santa Monica

O pier conta com vários estacionamentos e não foi difícil encontrar uma vaga, e quanto mais perto do pier, mais caro você paga, claro.

Big Sur

Big Sur

Ficamos curtindo o pier e a praia até o anoitecer, mas gostamos tanto de Santa Monica que voltamos lá mais vezes – pra mim é a melhor parte de L.A.! Mas isso fica para os próximos posts.

Paula Belotti

Vive em São Paulo, é casada e tem uma gata-filha chamada Marie ♥ Moda, beleza, viagens, gatos, tech, papelaria, sorvete, sushi e blueberries, mas não tudo junto.

«

»

O que você acha?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Porque usar o Telegram
Como editar para o Instagram Stories
DIY: Porta Celular
Méliuz: Como receber dinheiro de volta




No Instagram 📸 @paula_belotti